Foram nove recordes mundiais batidos na temporada 2 da ISL, um aumento significativo das três marcas batidas no ano passado. Dos nove recordes, sete em provas masculinas, dois em provas do feminino. Caeleb Dressel termina a temporada como o maior recordista com quatro recordes.

Masculino
50 livre – Caeleb Dressel 20.16 em 21/11/2020
100 costas – Kliment Kolesnikov 48.58 em 21/11/2020
100 borboleta – Caeleb Dressel 47.78 em 21/11/2020
100 peito – Adam Peaty 55.49 em 15/11/2020 e 55.41 em 22/11/2020
100 medley – Caeleb Dressel 49.88 em 16/11/2020 e 49.28 em 22/11/2020

Feminino
50 costas – Kira Toussaint 25.60 em 14/11/2020
4×100 medley – Olivia Smoliga, Lilly King, Kelsi Dahlia e Erika Brown 3:44.52 em 21/11/2020

2 respostas
  1. Romeu Nascimento
    Romeu Nascimento says:

    Coach, vc notou que dos 4 possíveis recordes dos 100 costas (longa e curta, masculino e feminino), somente o de curta feminino, não foi estabelecido em revezamento.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *