Amanhã e sexta-feira, representantes do Governo Japonês, do Comitê Olímpico Internacional e do Comitê Organizador Tokyo 2020 se reunem em teleconferência para definir os diferentes cenários que teremos para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos 2020. Antes mesmo da reunião, a ideia de todos é a mesma, com vacina, sem vacina, teremos Jogos.

O que vai ser discutido amanhã são os diferentes protocolos e opções que poderão ser adotados para a realização da competição que está marcada para começar dia 23 de julho do próximo ano.

Um dos pontos principais é a questão da entrada dos atletas e comissões técnicas no país. Contabilizando Olimpíada e Paralimpiada são cerca de 15.400 pessoas. A intenção do Comitê Tokyo 2020 é solicitar uma flexibilização das atuais rígidas regras de entrada estabelecidas pelo Governo Japonês. No dia de hoje, são 159 países completamente proibidos de entrar no Japão e ainda para quem entra a obrigatoriedade dos 14 dias de quarentena.

A realização dos Jogos sem público ou redução de público é outro assunto que será abordado. As competições das ligas profissionais de futebol e beisebol do Japão estão em andamento com um limite de 5 mil espectadores por partida.

O Japão até a publicação deste post tem 79.438 casos e 1.508 óbitos de Coronavírus.

1 responder
  1. Flávio Castro
    Flávio Castro says:

    Governo e população japonesa muito rígidos em relação ao COVID, resultado:
    Japão: 631 casos de COVID por milhão de habitantes
    Brasil: 21.969 casos de COVID por milhão de habitantes

    Japão: 12 óbitos por COVID por milhão de habitantes
    Brasil: 660 óbitos por COVID por milhão de habitantes

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *