Para começar, uma explicação. Quando um atleta é suspenso por doping, ele não pode nem competir, nem treinar com sua equipe, seu clube, seu treinador. Ele pode treinar só, de forma pessoal, mas jamais participar de programas organizados, clubes filiados e principalmente sob orientação de um treinador que venha a ser técnico da Seleção do País. É assim para todos os esportes. Muita gente acaba escapando disso fazendo de forma mais reservada, sem postagens, sem fotos e divulgações.

Parece que era este o objetivo da Federação Chinesa de Natação que convocou 17 nadadores para um training camp de três meses, abril a junho e incluiu Sun Yang no grupo. Yang está suspenso pelo Tribunal da Corte Suprema por oito anos e impedido de participar de quaisquer destas atividades.

O site da revista Swimming World conseguiu a nota de convocação que incluía o nome de Sun Yang e avisou a WADA. Momentos depois, a CSA, Chinese Swimming Association, publicou outra nota sem o nome de Sun Yang.

Embora muita gente vai atirar pedras e mais pedras em Sun Yang, muita gente sabe que os atletas brasileiros e estrangeiros, que cumpriram suspensão, ou cumprem, já burlaram esta determinação, é errado, mas acontece. O surpreendente é a CSA se expor desta forma, um risco enorme, temerário e irresponsável.

Sun Yang pretende apelar da suspensão de oito anos levando o caso para o Tribunal da Corte Suprema da Suíça em breve, única corte capaz de anular as decisões do Tribunal do CAS/TAS.

Matéria do site da Swimming World sobre o caso link

Matéria do site Inside the Games que indica que a CSA nega a denúncia da Swimming World link

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *