Faltam 164 dias para Tóquio 2020: Giro Olímpico na Best Swimming acompanhando todas as notícias da semana no mundo da natação e águas abertas focando na preparação para Tóquio 2020.

 

Falando em Tóquio, o Comitê Organizador Tóquio 2020 está fazendo a última chamada para quem quiser atuar como voluntário nas cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos.

https://tokyo2020.org/en/news/notice/20200207-02.html?fbclid=IwAR0WHzGZRoU6xkiUIU5KJZyHBHWpIZSZMc7eGxicz1DNoQmyk3OEN3Mq414

 


Tamas Kenderesi está de volta aos treinamentos. Medalhista olímpico no Rio 2016, chegou a final no Mundial de Gwangju, mas foi suspenso pelos incidentes de ter saído na noite durante o Mundial e o pior, se envolveu numa acusação de assédio a uma jovem sul-coreana. Segundo Kenderesi, diz que aprendeu com o episódio e promete dar a resposta dentro d’água. Até disse, se “não nadar abaixo de 1:53 nos 200 borboleta, nem merece ir a Tóquio”.

http://www.nemzetisport.hu/uszas/uszas-halas-vagyok-a-kapitany-tamogatasaert-kenderesi-2745763

 

Erika Pelaesz de 13 anos de idade é a mais jovem atleta classificada para o USA Olympic Trials, a seletiva americana que acontece 33 dias antes da natação nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Pelaesz fez 56.03 nos 100 metros nado livre e 1:02.65 em torneio em Plantation, na Flórida, neste final de semana. O vídeo da prova dos 100 livre está abaixo na seleção dos vídeos da semana. Seletiva Americana acontece de 20 a 28 de junho em Omaha.

 

A nadadora Tatiana Belonogoff que já foi medalhista em Campeonatos da Europa na categoria Júnior pela Grã-Bretanha apareceu com o nome e a bandeira da Rússia na disputa do Golden Tour em Nice, na França. E a estreia foi com vitória vencendo os 100 metros peito com 1:07.92.

 

Best Swimming acompanhou os três dias da disputa do Golden Tour em Nice com resultados e destaques. Lá tivemos a quebra de três novos recordes nacionais:

Israel – Anastasia Gorbenko quebrou sua marca de 4:47.58 para 4:41.48 nos 400 metros medley

Turquia – Beril Boeceker quebrou sua marca de 4:09.71 para 4:09.60 nos 400 metros nado livre

Grécia – Konstantin Englezakis quebrou um recorde de Spyros Gianniotis nos 800 livre de 2008 que era 7:55.67 para 7:51.27

 

Jon Rudd, Head coach da Irlanda esteve em training camp em Portugal reunido com os melhores nadadores do país. Rudd foi o técnico de Ben Proud da Grã-Bretanha e Ruta Meilutyte da Lituânia nos Jogos do Rio 2016.

 

Haley Anderson

A americana Haley Anderson apareceu em duas entrevistas durante a semana. Uma para a FINA classificada para a sua terceira Olimpíada na prova de águas abertas…

http://www.fina.org/news/haley-anderson-usa-ive-always-been-really-tough

… e a outra para o site SwimSwam onde fala da preocupação com o local da prova de águas abertas em Tóquio.

https://swimswam.com/haley-anderson-says-tokyo-open-water-condition-concerns-have-gone-unheard/?fbclid=IwAR3oJh8mGryquBpMoVqT7cwo0O7NsLzOxnIB4WFNj3AjqtC51A29vKYTVLI

 

Os ingressos para a Seletiva Canadense para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos foram colocados a venda. Competição acontece no Centro Aquático de Toronto, o mesmo que recebeu os Jogos Pan Americanos de 2015. Ingressos individuais estão a 15 dólares para as eliminatórias e 39 dólares para as finais. Veja todas as opções de ingresso:

Eliminatórias – 15 dólares por dia
Finais – 39 dólares por dia
Passe um dia, eliminatória + final – 49 dólares
3 dias passe – 125 dólares
Todas as sessões 249 dólares

A Seletiva Canadense acontece de 30 de março a 5 de abril

Duas matérias sobre Katerine Saavard recuperando a velha forma.

https://ici.radio-canada.ca/sports/1507935/natation-jeux-olympiques-katerine-savard-relais-tokyo-essais-toronto?fbclid=IwAR2YjVlq53DwleQDQbJM0n3Wz4zRWJRqvRhJbQHFQm_rXL3j34y7gNdlFQU

https://www.lesoleil.com/sports/les-jo-de-tokyo-ou-la-retraite-pour-katerine-savard-5cb1eef60905c1a66654b29285ed9844?fbclid=IwAR0xvh1dPk40RSFt0ww0Ga1vdvtVq-50YlayNiaCXO5VzrSH6UV4LHh4R8U&utm_medium=facebook&utm_source=dlvr.it

 

 

 

Nadador de Tonga Amini Fonua está em busca da vaga da sua terceira Olimpíada. Nadador é radicado na Nova Zelândia e está bancando seus treinamentos e competições internacionais.

 

 

Meeting Arena de Lisboa no final de semana com três novos recordes nacionais absolutos:
* Diana Duarães nos 1500 livre feminino 16:15.12 abaixo da sua marca 16:15.60 de 2018, tempo é marca olímpica A
* Rafaela Azevedo nos 50 costas feminino 28.43 batendo sua marca de 28.55 do ano passado
* Rita Frischknecht nos 200 metros costas feminino 2:15.03 igualando a sua própria marca do ano passado

Resultados da competição:

http://anlisboa.info/results/2019_20/ANL11_1920_MIL/

A japonesa Rikako Ikee um ano após ser diagnosticada com leucemia já está liberada para fazer musculação.

Neste final de semana tivemos a Kirara Cup, torneio reunindo alguns dos melhores nadadores do Japão em Yamaguchi. Katsuhiro Matsumoto voltou a se destacar. Medalhista de prata dos 200 livre no Mundial de Gwangju, Matsumoto, venceu os 100 e 200 livre respectivamente com 48.79 e 1:46.36. É uma das grandes novidades do time japonês para os Jogos deste ano.

Ingressos para o Japan Swim, a Seletiva Olímpica dos japoneses começam a ser vendidos no dia 23 de fevereiro e a competição vai marcar a inauguração do Centro Aquático de Tóquio.

Site do evento
http://japan-swim.com

 

Três novos nomes adicionados no time da Alemanha para Tóquio no final de semana. Competição em Magdeburgo:
Florian Wellbrock nos 1500 livre com 14:46.61 e Sarah Kohler 8:29.96 nos 800 livre, ambos são treinados pelo mesmo técnico Bernd Berkhan, mais Laura Riedermann que marcou 59.89 nos 100 metros costas ficando a apenas oito centésimos do recorde nacional. Agora são cinco nadadores com índices para Tóquio se adicionando Philip Heintz nos 200 medley e Marco Koch nos 200 peito.

 

Siobhan-Marie O’Connor

No seu retorno do Training Camp de altitude em Flagstaff, a nadadora britânica Siobhan-Marie O’Connor indicou que o programa foi o que faltava na sua preparação para a seletiva olímpica. O’Connor tem feito training camps em Flagstaff desde os 15 anos de idade. Ela esteve com outros 15 nadadores da Seleção Britânica. Sua próxima competição sera o McCullagh International Meet na Irlanda dias 20 a 23 deste mês. A seletiva nacional britânica acontece em abril.

 

Federação de Natação da Dinamarca emitiu um pedido oficial de desculpas por atitudes de seus dois ex-head coaches, o australiano Mark Regan e o já falecido Paulus Wildeboer. De acordo uma investigação realizada ficou apurado que ambos tiveram atitudes consideradas impróprias no tratamento com os atletas da seleção. O caso acabou por determinar o afastamento da atual Presidente da Federação Pia Holmen.

A chuva não atrapalhou a causa. Nadadores da Seleção Australiana realizaram um training camp com renda a ser revertida para as vítimas dos incêndios no país. Numa manhã de um tempo nada bom uma arrecadação expressiva de 16 mil dólares australianos.

 

Alberto Mestre

Velocista venezuelano Alberto Mestre vai fazer um “red short”, expressão do esporte universitário americano para quem fica de fora por uma temporada para focar em treinamento olímpico. Mestre treinou com o Gators Swim Club no verão do ano passado e ficou em sétimo lugar nos 50 metros nado livre dos Jogos Pan Americanos de Lima com 22.40 e 11o nos 100 livre com 50.08 depois de 49.74 nas eliminatórias.

 

Atletas da Espanha que já tem as marcas olímpicas:

Mireia Belmonte, 4:06.81 400 livre; 800 livre 8:24.28;  1.500 livre 16:13.61; 400 medley 4:34.47.

Jimena Pérez, 16:15.46 1.500 livre

María de Valdés, 16:30.41 1.500 livre

Lidón Muñoz, 54.33  100 livre

Jessica Vall, 2:25.32  200 peito

Hugo González, 1:58.73 200 medley

Joan Lluis Pons, 4:15.68 400 medley

 

Alguns nadadores argentinos em preparação para o Sul-Americano  estão fazendo treinamento de altitude na Colômbia. São eles: Gabriel Morelli, Agustin Hernandez e Andrea Berrino com o técnico Adrian Tur. Ficam por lá até o dia 22 de fevereiro.

Marc-Antoine Olivier

Marc-Antoine Olivier, medalha de bronze nos 10 quilômetros do Rio 2016, já classificado para Tóquio 2020 publicou um de seus dias de treinamento em Montpellier, onde treina com Phillipe Lucas, e a companheira de treino Sharon von Rouwendaal. Na preparação física foram 5 tiros de 800 metros na pista de atletismo e seguido de um treino de 9.400 metros incluindo a série principal de 10×500.

Itália vai em peso para a prova que abre a temporada das águas abertas em Doha, no final de semana. Gregorio Paltrinieri sai do treinamento de altitude passou por Fort Lauderdale e viajou para o Catar.

Ainda sobre os italianos, Milão, vai sediar a 50a edição do Troféu Cidade de Milão nos dias 28 de fevereiro a 1o de março. A competição de três dias será o último teste dos italianos antes da disputa do Campeonato Nacional da Itália, seletiva olímpica, que acontecerá nos dias 17 a 21 em Riccione.

Para o evento em Milão, presença de três dos já classificados para Tóquio: Nicolo Martinenghi, Margherita Panziera e Simona Quadarella. Entre as atrações internacionais, a sueca Sarah Sjoestroem. Do Brasil, Rogério Karfunkelstein, vai levar o fundista Guilherme Costa.

Na Austrália, estamos em pleno andamento dos training camps. Um deles nesta semana teve a presença de Kieren Perkins, ex-recordista mundial e campeão olímpico. O New South Wales 13 a 15 de março para a seletiva 14 a 19 de junho

https://www.watoday.com.au/sport/swimming/nothing-left-to-chance-as-dolphins-begin-deep-dive-into-tokyo-training-20200204-p53xni.html?fbclid=IwAR1tgfxdbopfbcoQJlDO-y9B6hQRoGSptzkDo1mS3I9kvVuKpxRHlqq1nzI

 

Vídeos olímpicos da semana

Vídeo promocional da Federação Russa de Natação para 2020

Vídeo de Erika Pelaez alcançando o índice para o USA Olympic Trials, aos 13 anos, a mais jovem classificada até agora.

Joseph Schooling de Singapura volta a treinar com Sergio Lopez nos Estados Unidos.

Saiu nova chamada da Globo para a cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *