Em 1881, o Brasil ainda tinha Imperador, Dom Pedro II, foi instituída a eleição em dois turnos no país e aprovação dos votos para os ex-escravos e não católicos emancipados. Em Curitiba, mais precisamente no dia 25 de setembro de 1881, era eleito o Barão do Serro Azul, Ildefonso Pereira Correia como o primeiro presidente do Club Coritybano.

Foi um grupo de 60 pessoas da alta sociedade local que, com o objetivo de criar uma sociedade recreativa, dava início ao que se tornou numa das maiores instituições esportivas do sul do país.

O Clube Curitibano aos seus 138 anos de vida, hoje representa uma organização com mais de 600 funcionários e 31 mil associados. São cinco sedes, Barão, Lucius, Romão, Concórdia, Mercês em um total de 39 atividades esportivas, que vão desde a peteca, ao futebol de mesa, o pilates, e as modalidades competitivas, e aí, destaque para a natação.

Tem sido a natação do Curitibano o esporte com maior número de resultados a nível nacional. Em 2017, o Curitibano se tornou no primeiro clube do sul do país a conquistar um título nacional com a vitória no Troféu Maurício Bekenn, Campeonato Brasileiro Infantil de Inverno, em Porto Alegre.

 

 

No ano passado, a equipe infantil voltou a brilhar, agora levou o certame de inverno, Troféu Ruben Dinard de Araújo, vencendo a disputa em Santos. Esta temporada, foi a categoria juvenil, Campeonato Brasileiro Juvenil de Inverno, Troféu Artur Carepa realizado em Belo Horizonte.

Neste mês, o Clube Curitibano sediou o Troféu José Finkel levando para Curitiba a competição que nasceu no Paraná, mas não era realizada por lá há 34 anos. Mais que isso, fez uma merecida homenagem a equipe do Curitibano que disputou o Troféu José Finkel de 1989, a famosa competição que nunca terminou.

 

 

Por conta de um risco de meningite, e por orientação da direção médica, a CBDA suspendeu a competição quando faltava uma etapa de final a ser disputada. O Clube Curitibano era o líder na contagem de pontos.

Recentemente, a direção do Curitibano fez um pedido a CBDA para considerar o clube como o campeão daquele torneio. A entidade optou por responder que ainda precisaria fazer um levantamento mais adequado para esta solicitação histórica.
Mesmo sem o reconhecimento, o clube decidiu homenagear todos os integrantes daquela equipe, a comissão técnica e os reuniu para um belo encontro durante o Finkel.

Neste 25 de setembro, a homenagem da Best Swimming a um dos mais importantes clubes do país e que tanto tem contribuído para o esporte nacional.

Hino oficial do Clube Curitibano

Letra e música de Manoel Dória Guimarães Filho, publicitário, poeta, artista plástico e compositor

Formado à sombra do pinheiro
Tens na violeta a mais linda flor
És um sonho lindo e verdadeiro
Fascínio de beleza e cor

Ideia… ideal que permanece
Chama viva a continuar
A poesia de vestido branco
No imenso azul a flutuar

O brasão da tua bandeira
Carrega uma força que traz
A cultura o esporte
Num verde branco de paz

E ainda és sorriso de criança
A sonhar a cantar
Na estrela que brilha toda noite
Na esperança do sol encontrar

Clube Curitibano
Quanta Emoção
Clube Curitibano
És meu coração

Visite o site do Clube Curitibano:

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *