O Brasil ficou com a medalha de bronze no revezamento 4×100 metros medley feminino nos Jogos Pan Americanos com 4:04.96. Nossa equipe nadou com Etiene Medeiros (1:00.99), Jhennifer Conceição (1:08.39), Giovanna Diamante 1:00.52) e Larissa Oliveira (55.06).

Na projeção para Tóquio 2020 estas são as equipes já classificadas pela ordem:
Estados Unidos, Austrália, Itália, Canadá, China, Suécia, Grã-Bretanha, Japão, Alemanha, Holanda, Suiça e Rússia.

Ranking das 4 vagas da repescagem:
1o) Coreia do Sul 4:03.38
2o) Hong Kong 4:03.52
3o) Polônia 4:04.27
4o) Dinamarca 4:04.33
5o) Brasil 4:04.96

Das equipes fortes ainda não nadaram:
Finlânida, França, República Tcheca

Para o Rio 2016 as quatro vagas da repescagem foram ocupadas por:
1o) Finlândia 4:01.49
2o) Brasil 4:02.52
3o) República Tcheca 4:02.73
4o) Hong Kong 4:03.10

Opinião Best Swimming
Já estamos fora da briga pelo que fizemos no Pan. Assim, a tomada de tempo no Troféu Brasil 2020 é uma necessidade. O Brasil ainda tem o recorde sul-americano da prova da era dos trajes com 3:58.49, porém dos quatro nados, três tiveram seus recordes nacionais quebrados desde então. Todos mais de uma vez.

1 responder
  1. Carlos Oliveira
    Carlos Oliveira says:

    Essas tomadas serão um desafio para os técnicos…mesmo que os atletas cheguem muito bem ao TB, se as nadadoras forem muito exigidas por causa dos pontos, chegarão às tomadas cansadas…Larissa por ex, nada os 3 revs, Manu, Daynara, Etiene, 2…

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *