Brasil ficou com a medalha de prata nos Jogos Pan Americanos no revezamento 4×100 metros nado livre feminino com 3:40.39. Nadamos com Etiene Medeiros (55.54), Larissa Oliveira (54.46), Manuella Lyrio (55.28) e Daynara de Paula (55.11).

De olho na vaga para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020, confira o levantamento e projeção para conquistarmos esta vaga:

Já estão classificados pela ordem:
Austrália, Canadá, Suécia, Estados Unidos, Japão, Holanda, China, Alemanha, Rússia, Hong Kong, República Tcheca e Polônia.

Ranking pelas 4 vagas da repescagem:
1o) Brasil 3:40.39
2o) Suiça 3:41.30
3o) Dinamarca 3:42.20
4o) Coreia do Sul 3:42.58

Entre as equipes que são fortes e ainda não nadaram:
Itáia, França, Espanha

Para o Rio 2016 conquistaram as 4 vagas da repescagem pela ordem:
1o) Polônia 3:39.38
2o) Espanha 3:40.67
3o) Suiça 3:41.76
4o) Israel 3:41.95

O prazo final para obtenção das marcas para o ranking das 4 vagas da repescagem é 30 de maio, porém somente pode ser obtido em competições reconhecidas pela FINA como qualificatórias para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Opinião Best Swimming:
O tempo parece ser o suficiente, mas ainda é um risco. Uma tomada de tempo no Troféu Brasil se faz necessária. O Brasil tem 3:37.39 de recorde sul-americano estabelecido nos Jogos Pan Americanos de 2015. Não se precisa nem fazer uma marca tão boa, mas qualquer 3:39 parece ser uma zona mais confortável para a classificação da equipe.

Amanhã análise do 4×200 livre feminino.

3 respostas
  1. Ribeiro
    Ribeiro says:

    Prezado Alex,
    Esta tomada de tempo que poderá ser realizada no Troféu Brasil/Maria Lenk, as obrigatoriamente tem que ser as mesmas que nadaram o Rev. no PAN ou pode trocar alguma atleta?

    Responder
      • Ribeiro
        Ribeiro says:

        Prezado Alex,

        Conforme a Opinião Best Swimming no poste do 4×200 LIVRE FEMININO: “No Troféu Brasil 2020, seletiva nacional olímpica, será necessária uma tomada de tempo com os quatro melhores tempos da prova dos 200 metros nado livre”.

        Então, essa opinião se aplicaria também no 4x100m livre feminino, ou seja, os quatro melhores tempos da prova (100m livre) na Seletiva Olímpica) faria o tomada de tempo?

        Responder

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *