De 21 a 24 de março, no Rio de Janeiro, a CBDE organiza o Campeonato Brasileiro Escolar de Natação, Seletiva Nacional para formação da equipe que representará o Brasil no Campeonato Mundial Escolar que acontecerá em maio, também no Rio. Nosso sistema escolar ainda tem os Jogos Escolares da Juventude organizados anualmente pelo COB que reúne as faixas etárias 12 a 14 anos, 15 a 17 anos, em torneios multi-esportes.

Para efeito de conhecimento e até mesmo de referência, a Best Swimming descreve como funciona os principais campeonatos escolares dos dois maiores países da natação mundial.

AUSTRÁLIA
O Campeonato Nacional Escolar Australiano de 2019 está marcado para julho. A competição reúne atletas de todos os seis estados em um torneio que a partir deste ano será dividido entre os grupos de idade de 10 a 12 anos, e de 13 a 19 anos de idade.

Na Austrália, o Campeonato Nacional Escolar de Natação inclui provas para nadadores paralímpicos que competem no sistema “all classes”, onde os resultados são aferidos em índices de acordo com a deficiência de cada atleta e sua respectiva classe. Outro detalhe que chama a atenção no Australiano Escolar é a obrigação de participação em todo o programa do evento que inclui as cerimônias de abertura, encerramento e uma atividade ou passeio cultural, sem exceção.

O programa de provas varia por grupo de idade, mas são oferecidas as provas de 50, 100, 200, 400, 800 e 1500 metros nado livre, 50, 100 e 200 metros costas, 50, 100 e 200 metros peito, 50, 100 e 200 metros borboleta, 200 e 400 metros medley. Os revezamentos tradicionais e ainda um 10 x 50 reunindo diferentes grupos de idade fazem parte do programa.

Ellijah Winnington, uma das estrelas da natação australiana atual, foi escolhido como o melhor nadador escolar do país nos anos de 2016 e 2017.

ESTADOS UNIDOS
Não existe um campeonato nacional escolar nos Estados Unidos, mas os campeonatos estaduais são fortíssimos e disputados em regras e programas similares. Toda temporada escolar é realizada em jardas.

O programa e a ordem de provas também é o mesmo em todos os 50 estados americanos. As provas são 50, 100, 200 e 500 jardas livre, 100 jardas costas, 100 jardas peito, 100 jardas borboleta, 200 jardas medley, e os revezamentos 4×50 jardas livre e 4×50 jardas medley. Na natação escolar americana, assim como na disputa universitária, inclui a modalidade dos saltos ornamentais. No high school apenas uma prova, o trampolim de um metro.

A temporada escolar americana é de três meses. Escolas realizam competições entre si a cada semana, dual meets reunindo duas escolas, tri meet reunindo três, quad meet com quatro e os Invitationals que acontecem no sábado. São proibidas competições no domingo e atletas são proibidos de faltar aula para competir.

No final da temporada, a disputa dos torneios regionais e os fortes campeonatos estaduais. Com a conclusão do ano, a National Federation High School, entidade que organiza o esporte escolar divulga um ranking nacional com os melhores tempos e o ranking nacional das escolas.

Entre os pontos de destaque no belo sistema escolar americano, a exigência e controle do desempenho escolar podem impedir os atletas não só de competir, como até participar dos treinamentos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *