O nosso Time do Futuro – André Luiz Calvelo de Souza

0
792
FABIOLA MOLINA

Começando hoje, uma nova série, “O nosso Time do Futuro”, é a apresentação individual dos oito atletas que irão representar o Brasil nos Jogos Olímpicos da Juventude. Apurados pelos seus resultados no Troféu Brasil, a Best Swimming traz nos próximos oito dias, o Time Brasil dos Jogos Buenos Aires 2018.

ANDRÉ LUIZ CALVELO DE SOUZA, natural de Praia Grande (SP) 11 de agosto de 2000, 1,89cm, 76kg
Atleta formado nas categorias inferiores da Unisanta, teve como primeiro treinador Claudinho e faz parte das equipes competitivas desde a base.

Calvelo estreou em campeonatos nacionais no Brasileiro de Verão de 2014, na Palhoça, quando já era Infantil II. Na sua estreia, chegou a final dos 50 metros nado livre terminando em quinto lugar com 25.46. A primeira medalha de Brasileiro viria no ano seguinte, integrando o revezamento 4×100 livre Juvenil do Unisanta levando a medalha de bronze.

Mundial Escolar em 2017

A primeira medalha individual em campeonato nacional seria em 2016. No Brasileiro Juvenil de Verão, na piscina do Clube Curitibano, Calvelo foi prata nos 50 metros nado livre e bronze nos 100 metros nado livre. Nos dois pódios estava Lucas Peixoto, seu companheiro de seleção nos Jogos da Juventude em outubro.

Foi somente no ano passado, no Troféu Julio de Lamare, em dezembro, que Calvelo pode comemorar o seu primeiro título brasileiro. E veio de forma tripla vencendo as provas de 50, 100 e 200 metros nado livre. A boa fase já havia se iniciado nos Jogos Escolares da Juventude onde também venceu as três provas e ainda quebrou os recordes nacionais das duas primeiras que eram de Matheus Santana, atleta que foi referência na sua carreira. Ao final de 2017, era apontado como o Melhor Atleta dos Jogos Escolares da Juventude sendo premiado no Prêmio Brasil Olímpico do COB.

Melhor Atleta dos Jogos Escolares da Juventude 2017

Sua estreia na Seleção Brasileira também foi efetiva como em campeonatos nacionais. Foi para o Mundial Escolar em Budapeste, na Hungria, no ano passado, vencendo as provas de 50 e 100 metros nado livre e 50 metros borboleta. Este ano, subiu para Cochabamba, na Bolívia, onde junto com a Seleção Júnior participou dos Jogos ODESUR. Saiu de lá com um bronze nos 50 livre.

André Calvelo é o quarto filho de seu Wagner e dona Glória. Uma família religiosa e formada por esportistas. O pai foi jogador de futebol, os irmãos todos fazendo esporte em alto nível. Pedro de 25 anos, está no levantamento de peso, Matheus de 22, é ciclista, e Wagner Calvelo de 19 integra o time Sub 20 do Santos.

Calvelo e Márcio Latuf

Treinado por Márcio Latuf, Calvelo vai nadar as provas de 50 e 100 metros nado livre. Integrando o ranking mundial da idade desde o ano passado, é uma das maiores chances de medalhas do Brasil na competição.

Visite o canal Crazy Calvelo 

Deixe uma resposta