Foi o segundo ano consecutivo da conquista do Troféu Best Swimming para Marcão, mas deste ano muito mais difícil e apertado. Felipe Dominguez, técnico de André Brasil, e Antonio Luiz Candido, técnico de Cecília Araújo, também foram bastante bem votados.

Marcos Rojo Prado segue seu bom trabalho em Bragança Paulista. A frente do paralímpico, revisou o programa de provas de Daniel Dias. A ideia é levar nosso melhor nadador paralímpico em bom estado de saúde e motivado até 2020.

Sabedor de que não pode expor, nem desgastar, seu atleta até lá, o programa de Daniel ficou mais enxuto, mais específico. Foi assim que o nadador teve o maior período de férias que já tirou na carreira pós campanha do Rio 2016 e segue no caminho para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020.

Troféu Best Swimming 2017 Melhor Treinador Paralímpico é Marcos Rojo Prado.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *