O momento mundial é de dicotomia, o mundo está dividido, a intolerância domina, em todos os níveis, em todos os aspectos. Assim, unanimidade em 2016 foi coisa rara. No prêmio Best Swimming não foi diferente. De todos os prêmios, apenas uma foi unânime: Poliana Okimoto!

Nossa medalhista de bronze no Rio 2016, aos 33 anos de idade, um resultado histórico e inédito. Assim como foram as primeiras medalhas em Mundiais em Nápoles 2006, ou a prata do Pan de 2007, o título da Copa do Mundo de 2009, as múltiplas medalhas no Mundial de 2013. Poliana voltou a fazer história e deixou registrado para sempre os seus feitos.

Poliana Okimoto. Circuito Nacional de Maratonas Aquaticas na praia de Munbuda no Forte dos Andradas. 05 de Junho de 2016, Guaruja, SP, Brasil. Foto: Satiro Sodré/SSPress

Poliana Okimoto. Circuito Nacional de Maratonas Aquaticas na praia de Munbuda no Forte dos Andradas. 05 de Junho de 2016, Guaruja, SP, Brasil. Foto: Satiro Sodré/SSPress

O bronze do Rio 2016 foi comemorado alguns minutos depois, quando já estava no carrinho que lhe levaria para uma área de descanso. O marido e treinador Ricardo Cintra é quem confirmava a notícia que até aquele momento era rumor. A desclassificação da francesa Aurelie Muller foi incontestável, e imediatamente identificada pelo narrador Cláudio Uchoa que fazia a transmissão pelo SporTV.

O quarto lugar de Poliana virou bronze em uma prova onde sempre esteve na disputa dos primeiros lugares. Em todo percurso no pelotão da frente, Poliana conseguiu chegar no bolo e garantir a medalha solitária dos esportes aquáticos do Brasil no Rio 2016.

Também foram selecionadas na disputa para o prêmio:
Ana Marcela Cunha, 10a colocada no Rio 2016
Viviane Junglbut, campeã brasileira de águas abertas, bronze nos 5 K do Sul-Americano
Betina Lorscheitter, vice campeã brasileira de águas abertas, prata nos 5 K do Sul-Americano

trofeu-best-swimming-poliana-okimoto

Poliana Okimoto, MELHOR NADADORA DE ÁGUAS ABERTAS DE 2016.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *