Em sua 17a. edição, a equipe de Santa Catarina protagonizou seu maior momento histórico da natação júnior ao levar o título do Campeonato Brasileiro Interfederativo – Troféu Paulo Roberto de Melo, que terminou hoje, dia 24 de setembro, em Anápolis, Goiás.

14409488_1273244982685784_5460627554398002464_o

Seleção catarinense campeã interfederativa júnior 2016 – Foto Marcelo Costa

A equipe de 31 atletas conquistou os títulos em todas as categorias. No geral somou 642,5 pontos, no júnior 2 323 pontos e no junior 1 245 pontos.

A equipe vice-campeã foi São Paulo, e a terceira colocada, também de forma inédita subindo ao pódio, foi o Distrito Federal, ambos mantendo a colocação em todas as categorias. Das 61 provas do programa, a equipe paulista venceu 34, enquanto os catarinenses levaram 12 ouros e o Distrito Federal subiu ao topo do pódio em 6 provas. No total de medalhas, deu Santa Catarina com 66 contra 51 de São Paulo.

Com uma seleção enxuta de 12 atletas, São Paulo levou 3 dos 4 troféus de atletas eficientes. No junior 1 os atletas que venceram 4 das 4 provas que competiram foram Clarissa Maria Rodrigues (SP) e Marcelo Pereira de Araújo (DF), enquanto que no junior 2 Sabrina Jacob Todão e Deliê Fernanda de Moraes, ambas de SP, empataram com 4 vitórias cada uma e Leandro David Bressan (SP) foi o que mais venceu no masculino.

Nenhum recorde foi superado nesta edição.

Confira os resultados, ordenados de forma agrupada por seleção estadual (os resultados prova a prova estão no link abaixo):

http://www.cbda.org.br/cbda/natacao/evento/30614/trofeu-paulo-roberto-de-melo

Galeria de fotos direto do Facebook da Presidente da Federação de Desportos Aquáticos do DF, Magda Gomes:

1 responder
  1. Cassiano Benedetti
    Cassiano Benedetti says:

    Sabe o que se tornou cômico em sua matéria, o fato de ser inedito o título de Santa Catarina e você dar ênfase a São Paulo. O mérito é dos atletas que foram representar, da federação, patrocinadores que foram competentes em fazer o possível para isso.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *