“Dois nadadores olímpicos americanos (Gunnar Bentz e Jack Conger) prestaram depoimentos hoje as autoridades em relação ao incidente que aconteceu no último domingo, dia 14 de agosto. Seus passsaportes foram liberados e eles já deixaram o Rio.

Após prestar depoimento no início da semana, um terceiro nadador (James Feigen) prestou uma nova e revista declaração esta noite para obter a liberação de seu passaporte o mais breve possível.

Estamos tabalhando em colaboração com o Consulado Americano no Rio, coordenamos a colaboração dos atletas com as autoridades locais para ter a certeza da segurança de todo processo, mas não tivemos acesso ao conteúdo por completo dos depoimentos de Bentz e Conger.

Mesmo assim, entendemos que eles descrevem os acontecimentos mostrados nas cameras de segurança que foram colocados disponíveis ao público no dia de hoje. Pelo nosso entendimento, os quatro atletas (Bentz, Conger, Feigen e Ryan lochte) deixaram a Casa França na manhã do dia 14 de agosto em um taxi em direção a Vila Olímpica. Eles pararam num posto de gasolina para utilizar o banheiro, onde um dos atletas cometeu atos de vandalismo. Uma discussão entre os atletas e dois seguranças armados do local, que apontaram suas armas exigindo que os atletas deixassem os veículos afim de pagar pelos prejuízos. Assim que os seguranças receberam o pagamento pelos atletas, foram liberados para deixar o local.

O comportamento destes atletas é inaceitável, não representa os valores do Team USA ou a conduta de seus membros. Nós iremos rever todo o caso para possíveis consequências para os atletas quando retornarmos para os Estados Unidos.

Em nome do United States Olympic Committe, nós pedimos desculpas ao Rio e as pessoas do Brasil por este incidente de distração no meio do que deveria ser a celebração de excelência.

Faltando três dias para o fim dos Jogos Olímpicos, nossa prioridade continua sendo suportar os atletas que estão competindo e celebrando as conquistas daqueles que já terminaram.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *