Todos ficamos tão estupefatos com o resultado de Cameron McEvoy e seus fantásticos 47.04 nos 100 metros nado livre na seletiva australiana em Adelaide que deixamos de registrar os também muito bons 48.03 para o jovem australiano Kyle Chalmers, segundo colocado na prova. Chalmers além de garantir vaga na prova dos 100 livre no Rio 2016, quebrou o recorde mundial júnior da prova que pertencia ao brasileiro Matheus Santana com 48.25 desde os Jogos Olímpicos da Juventude em 2014, em Nanjing, na China.

Cfw0j-XUAAQa9I_

Kyle Chalmers tinha como melhor marca pessoal 48.47 e foi o maior destaque do Campeonato Mundial Júnior em Singapura no ano passado com sete medalhas conquistadas, sendo três de ouro. Comparando os parciais de Chalmers e Matheus Santana nos recordes:
Kyle Chalmers 48.03, 23.20, 24.83
Matheus Santana 48.25, 23.51, 24.84

Cfwwha9UUAA1otJ

Chalmers esteve no revezamento da Austrália no Mundial de Kazan que nadou apenas as eliminatórias sendo o melhor parcial da equipe. O jovem nadador completa 18 anos antes de chegar ao Rio, mais precisamente no dia 25 de junho.

CfwvMfWUUAAgM1-

Progressão do recorde mundial júnior dos 100 metros nado livre
Marca estabelecida pela FINA Caeleb Dressel 48.97, Mundial Júnior 2013
Matheus Santana 48.85, Maria Lenk 2014, em São Paulo
Matheus Santana 48.61, Maria Lenk 2014, em São Paulo
Matheus Santana 48.35, Brasileiro Júnior de Inverno 2014, no Rio de Janeiro
Matheus Santana 48.25, Jogos Olímpicos da Juventude, 22/08/2014, Nanjing
Kyle Chalmers 48.03, Seletiva Australiana, 11/04/2016, Adelaide, Austrália

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *