Um reconhecimento que só reforça a qualidade do trabalho implantado pelo croata Ratko Rudic no comando do polo aquático masculino do Brasil. O COB anunciou ontem o nome de Rudic como o Técnico do Ano nas modalidades coletivas e Leandro “Brachbola” Andreão da dupla de volei de praia Alison e Bruno Schmidt como o vencedor das modalidades individuais/duplas.

É a segunda vez na história do prêmio que um treinador de modalidades aquáticas é reconhecido. A primeira foi com Ricardo Cintra, escolhido o Treinador do Ano em 2009, quando Poliana Okimoto esteve entre as três melhores atletas concorrendo ao prêmio. Completando seu segundo ano a frente do polo masculino do Brasil, Ratko levou a equipe a um inédito bronze na Super Final da Liga Mundial batendo a equipe americana na decisão. O time ainda ficou com a medalha de prata nos Jogos Pan Americanos em Toronto.

Seis vezes medalhista olímpico, Ratko Rudic, sendo quatro delas douradas, Ratko é considerado o treinador mais premiado do esporte em nível mundial.

Ratko receberá sua premiação no Prêmio Brasil Olímpico no dia 15 de dezembro no Teatro Bradesco no Rio de Janeiro. Ana Marcela Cunha está na disputa do Prêmio entre as três atletas finalistas e também figura, junto com Thiago Pereira, na briga pelo Atleta da Torcida.

1 responder
  1. Poliana
    Poliana says:

    Oi coach, tudo bem?! O Cintra foi eleito pelo COB como técnico do ano em 2009! Por isso, não é a primeira vez que um técnico aquático vence o premio! Bjos Poliana Okimoto

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *