A FINA atualizou esta semana no site oficial (fina.org/H2O/index.php?option=com_content&view=section&id=17&Itemid=184) a seção das regras de natação com as alterações discutidas, votadas e aprovadas durante o congresso técnico mundial da entidade 3 dias antes do início do Campeonato Mundial de Barcelona, na Espanha, em julho.

As regras atualizadas são válidas a partir do dia 23 de setembro. A primeira grande competição a ser regida pelas regras atualizadas será o Campeonato Norte-Nordeste de Clubes – Troféu Walter Figueiredo Silva – marcado para o dia 27 de setembro em Aracaju. Uma semana depois será a vez do Campeonato Brasileiro Interfederativo Infantil e Juvenil – Troféu Chico Piscina, de 2 a 5 de outubro, em Mococa.

O site Regras de Natação traz a lista completa do que foi atualizado: A atualização das Regras da FINA

Dentre eles, o que chama a atenção é o balizamento de eliminatórias de apenas duas séries fortes para provas de 400 a 1500m, ao contrário de 3 como continuará ocorrendo com as outras provas, a inclusão dos recordes mundiais para revezamentos mistos (apenas o 4x100m) e a proibição do uso de adesivos corporais e braceletes energéticos durante a prova.

O ponto mais polêmico do congresso, a restrição ou liberação total da golfinhada para o nado peito durante a filipina, não foi aprovado e a regra permanece a mesma: só será permitida apenas uma golfinhada na saída e depois de cada virada. Aliás, o nado peito também tem outro ponto esclarecido e explícito: não é permitido a ondulação “para baixo” durante a pernada de peito, que seria aquele “chicote” no fim de cada ciclo de pernada de peito.

Sobre o uso de um novo equipamento para auxiliar a saída de costas, a seção que aborda sobre o assunto ainda não foi atualizado, mas sabemos que ele foi aprovado no congresso.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *