No encerramento das fases eliminatórias do Campeonato Brasileiro Absoluto – Troféu Maria Lenk – um único índice para o Campeonato Mundial de Desportos Aquáticos: o mineiro Nicolas Nilo de Oliveira está com o primeiro tempo das finais dos 100m livre com 48.93. Na briga pelo revezamento, em primeiro está Nicolas, seguido de Bruno Fratus, com 49.13 (obtido ontem na abertura do 4x100m livre e que saiu da prova individual), Marcelo Chierighini com 49.26 e Vinícius Waked com 49.34. César Cielo não participa desta prova e portanto está fora da composição pelo revezamento em Barcelona. Em 5o. está João de Lucca com 49.46, e em 6o. Fernando Ernesto dos Santos com 49.55. Uma final boa, onde o 8o. tempo para entrar na final A foi de 49.97.

Na prova feminina, favoritismo pleno para a atual número 5 do ranking mundial (atualizado com os resultados do primeiro dia do Campeonato Australiano), Frederick Heemskerk, que de manhã fez 54.80 contra 55.48 de Daynara de Paula. Não há espaço para novatas na final A: a mais nova tem 20 anos.

Nos 50m peito, a possibilidade do título ficar entre companheiras e amigas de treino: Ana Carla Carvalho e Beatriz Travallon, ambas do Pinheiros, estão com os melhores tempos para a final, 31.70 e 31.74. De acordo com o que já vimos na competição, é bem provável que os tempos na final cheguem próximos do 31.20.

O campeão dos 100m peito, João Luiz Gomes Junior lidera as finais com certa folga, 27.41 contra 27.81 de Angelito Cassandra. O campeão mundial está com o 4o. tempo, 27.90, atrás de Felipe Lima que marcou o 3o. tempo com 27.85. Ao contrário dos 100m, onde houve um afunilamento entre os dois melhores, aqui teremos no mínimo 4 atletas brigando pelo título. E o índice de 27.32 está próximo para os 4.

O retorno de Joanna Maranhão nos 200m costas poderá ser com vitória. A número 1 do ano passado, Marina Nascimento, está com o 5o. tempo das finais, 2:18.91, enquanto que Joanna lidera com 2:15.86. Natalia de Luccas com 2:18.50 vem atrás de Thalandra Borges, 2o. tempo com 2:18.30, e olhe que em termos de resultados a atleta paulista de 17 anos está se saindo como a revelação feminina da competição e um nome promissor no Mundial Júnior de Dubai.

Na última prova individual do programa, o favoritismo recai naturalmente no atual campeão Leonardo de Deus, que está atrás de Leonardo Fim nas eliminatórias, com 2:03.00 contra 2:02.94 de Fim. O gaúcho Gustavo Louzada foi o destaque da prova nas eliminatórias pelo índice para o Mundial Júnior com 2:03.65, juntando-se aos 100m costas que ele já tem..

2 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *