Top 10: 10 melhores performances do Brasileiro Infantil de Inverno

0
536
FABIOLA MOLINA

Best Swimming faz a lista dos 10 melhores resultados apurados na disputa do Campeonato Brasileiro Infantil de Inverno no último final de semana em Santos. Confira a nossa lista:

10) Stephan Steverink do Espéria 200 metros peito Infantil II masculino 2:20.26
Novo recorde brasileiro de categoria apagando a marca de 20 anos de Alan Nagaoka. Recorde batido nas eliminatórias, em prova bem nadada e muito bem dividida. Superou o recorde anterior por dois segundos.

9) 200 metros nado livre Infantil I feminino
As três, Sophia Coleta da ABDA, campeã da prova e melhor índice técnico da categoria, Anna Beatriz Machado da Natação Praia Grande com 2:08.64 e Natália Paiva do Goiás 2:08.84 merecem destaque. Afinal, aqui estão três dos quatro melhores índices técnicos da categoria.

8) Luiz Felipe Alves do Fluminense 200 metros nado livre Infantil II masculino 1:54.99
De ponta a ponta, nadando de forma intensa, sem dar qualquer chance aos adversários, Luiz Felipe confirmou o favoritismo e venceu a prova que já havia sido campeão brasileiro infantil de verão no ano passado. Um ritmo forte, desde o princípio, com uma queda no final (teve o pior último 50 metros dos cinco primeiros colocados), mas não o suficiente para perder a prova.

7) 100 metros peito Infantil I masculino
Outro recorde brasileiro de categoria que era de Alan Nagaoka e foi apagado. Desta vez, os dois primeiros colocados nadaram abaixo da marca anterior. Tiago Simão Faleiros do Minas Tênis Clube 1:05.03 e Stephan Steverink do Espéria 1:05.35 em prova disputada desde o início, mas sempre com Faleiros a frente.

6) Lucas Tudoras do Paineiras 200 metros borboleta Infantil II masculino 2:07.03
Foi a sétima vitória individual de Tudoras, o seu único recorde brasileiro batido. A marca era de Lucas Salatta 2:07.60 desde 2001. Nadando bem a frente dos demais, Tudoras aplicou um bom ritmo e fechou forte para levar o título e o recorde.

5) 200 metros nado livre Infantil II feminino
Giovana Medeiros do Corinthians 2:01.72 e Stephanie Balduccini do Paineiras 2:02.09 merecem estar nesta lista. As duas nadaram abaixo do recorde brasileiro que era de Rafaela Raurich. Giovana mais forte no primeiro parcial, Stephanie fechando melhor, as duas com marcas expressivas.

4) 1500 metros nado livre Infantil I masculino
João Pedro Afonso do Instituto Pedro Nicolas de Manaus ganhou três provas, a melhor delas veio nos 1500 metros nado livre onde fez uma bela disputa contra Leonardo Alcantara da Unisanta. Os dois merecem entrar na lista. João Pedro venceu com 16:51.52 apenas 23 centésimos a frente de Leonardo.

3) Giovana Reis Medeiros do Corinthians 100 metros nado livre Infantil II masculino
Única nadadora da competição com dois recordes brasileiros batidos, Giovana derrubou outra marca que era de Rafaela Raurich. Sem dar chances para as adversárias, venceu com facilidade liderando de ponta a ponta até marcar 56.25.

2) João Pierre Campos do Fluminense 400 metros nado livre Infantil I masculino 4:11.06
João Pierre perdeu a primeira prova que disputou na competição (50 metros nado livre), depois disso só fez vencer. A última das quatro vitórias veio nos 400 metros nado livre com grande vantagem sobre os adversários.

1) 1500 metros nado livre Infantil II masculino
Melhor prova da competição, equilibrada e grandes perspectivas para o jovem fundo do Brasil. Não foi recorde, mas foram muitos bons resultados com grande participação, grandes melhoras de tempos e um pódio muito forte. Lucas Tudoras do Paineiras 16:02.94 chegou perto do recorde brasileiro de categoria, mas também merecem ser destacados Stephan Steverink do Espéria 16:05.88 e Vitor Ballan Sega do Natação Americana 16:05.89.

Deixe uma resposta