Maratonas Aquáticas mantém mesmo regulamento para Tóquio 2020

0
182
EPA/NEIL MUNNS
FABIOLA MOLINA

FINA confirmou hoje os critérios de classificação das maratonas aquáticas para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 mantendo o mesmo procedimento de classificação utilizado desde a estreia da modalidade em Beijing 2008. As provas de 10 quilômetros masculino e feminino terão 25 nadadores cada e o procedimento de classificação começa no Mundial de Gwangju.

Da prova dos 10 quilômetros do Mundial 2019 sairão os 10 primeiros colocados por sexo em classificação automática. As demais vagas virão da prova seletiva olímpica a ser realizada em 2020, ainda sem data ou local, que vai apurar os nove primeiros colocados, mas com a condição de que não sejam dos países com vagas garantidas no Mundial, cinco nadadores adicionais, um de cada continente, e mais um representante de cada continente, garantindo que todos estejam representados na prova olímpica.

Assim as 25 vagas de cada sexo:
10 do Mundial de Gwangju
9 da seletiva olímpica
5 de cada continente
1 do país sede
Total 25 nadadores

A única forma de um país ter dois nadadores na prova olímpica dos 10 quilômetros é ter dois nadadores terminando entre os 10 primeiros lugares da prova no Mundial de Gwangju 2019.

Veja o calendário de classificação para a prova olímpica dos 10 quilômetros em Tóquio 2020:
Julho de 2019 – Mundial de Gwangju, Coreia do Sul
Agosto de 2019 – FINA comunica os 10 atletas confirmados para os Jogos Tóquio 2020.
Sem data definida – Prova seletiva olímpica em local e data a ser confirmada (provavelmente junho de 2020)
6 de julho de 2020 – Prazo final para inscrição de todos atletas.

Critérios completos da maratona aquática em Tóquio 2020:
toquio2020openwater

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here