Os caminhos para chegar ao time do Pan Pacífico 2018

0
286
FABIOLA MOLINA

Terça-feira, no Complexo Aquático Maria Lenk, começa o Troféu Brasil 2018, e entre as três seleções em disputa, a que desperta mais atenção é a equipe principal que representará o Brasil no Pan Pacífico em agosto deste ano, em Tóquio, no Japão.

Pelo boletim 022/2018 alguns pontos deixam bem claro os critérios de convocação:
* Apenas os tempos das provas finais serão considerados.
* Programa de provas do Pan Pacífico tem apenas as provas olímpicas.
* Serão chamados 16 nadadores para a Seleção.
* Os 4 primeiros colocados dos 100 metros nado livre ganham vaga automática.
* Os 12 nadadores restantes serão selecionados pelas melhores posições no ranking mundial de 2017 e contando apenas dois atletas por país.
* Se tivermos empate para a definição da última vaga, serão considerados os resultados das eliminatórias da respectiva prova em disputa, e se persistir o empate, a segunda melhor prova dos atletas empatados será considerada.

O ranking mundial de 2017 com dois atletas por país é uma maneira de identificar quem são os atletas com melhor condição para resultados internacionais. Diferente do índice técnico utilizado em anos anteriores, o ranking nacional traz uma interpretação mais precisa.

Confira o ranking mundial 2017 com apenas 2 atletas por país em cada prova:
rankingmundial2017

Boletim com os critérios oficiais de convocação para o Pan Pacífico 2018:
http://www.cbda.org.br/cbda/natacao/boletins/9781/crituorios-oficiais-de-convocaucueo-da-seleucueo-brasileira-para-o-pan-pacific-swimming-championships

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here