O dia mais dourado do Brasil no México: 4 ouros

0
71
FABIOLA MOLINA

Foi o dia mais dourado do Brasil até agora. Começou com a etapa da manhã e duas vitórias alcançadas por Italo Pereira nos 100 costas S7 e Ruan Lima de Souza nos 100 peito SB9. Na sessão da tarde, mais dois ouros, Talisson Glock levou os 100 costas S6 e fechamos com Daniel Dias e seus 50 livre S5. Um dia de oito medalhas, metade delas douradas.

05/12/2017 – Piscina Olimpica Francisco Marquez, Cidade do Mexico, Mexico. Daniel Dias, ouro nos 50m livres S5. Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CPB .

As quatro vitórias do Brasil ainda não foram suficientes para melhorar a posição do Brasil no quadro de medalhas. Seguimos na quarta posição. Desta vez empatados com a Itália com mesmo número de ouros (12), o mesmo número de pratas (8), mas com um bronze a menos (7×6). Os Estados Unidos teve o seu melhor dia e figura no segundo lugar com 14 ouros e a China cada vez mais líder 20 ouros.

A quarta vitória de Daniel Dias na competição veio novamente com boa marca. Os 32.66 ficaram a apenas dois centésimos do seu melhor tempo do mundo este ano no Open em São Paulo. Campeão dos 50 e 100 livre e 50 costas, além do revezamento 4×100 livre, Daniel ainda tem os 200 livre e o revezamento misto para fechar a sua competição. Com a vitória de ontem, são 34 medalhas em Campeonatos Mundiais, 28 de ouro.

05/12/2017 – Piscina Olimpica Francisco Marquez, Cidade do Mexico, Mexico. Talisson Glock, 100m costas S6. Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CPB .

Em recuperação, esta é a palavra para definir a volta de Talissonn Glock e seu título nos 100 costas S6. O tempo 1:18.10 ainda distante do seu melhor, mas o suficiente para voltar motivado para quem retornou recentemente ao treinamento do Centro Paralímpico Brasileiro. Talisson trocou quatro vezes de treinador nos últimos 18 meses e parece ter re-encontrado o trabalho adequado para a sua preparação rumo a Tóquio 2020. Ontem, Talisson não teve qualquer ameaça vencendo com quase dois segundos de vantagem e com parciais de 37.71 e 40.39.

05/12/2017 – Cidade do México, México – Italo Gomes. ©Daniel Zappe/CPB/MPIX

As medalhas do Brasil no quarto dia de competição foram:
Ouro (4)
Daniel Dias 50 livre S5 32.66
Talisson Glock 100 costas S6 1:18.10
Italo Pereira 100 costas S7 1:13.77
Ruan Lima de Souza 100 peito SB9 1:13.21

Prata (s1)
Joana Maria Silva 2o nos 50 livre S5 38.30

Bronze (2)
Felipe Vila Real Caltran 3o nos 200 livre 2:03.74
Thomaz Rocha Matera 3o nos 50 livre S12 25.34

Outros resultados brasileiros:
Patricia Pereira dos Santos 5o nos 50 peito 1:07.48
Beatriz Carneiro 6o nos 200 livre S14 2:28.64
Cecília Araújo 4o nos 100 costas S8 1:27.35

Link para todos os resultados:
https://www.paralympic.org/mexico-city-2017/live-results/swimming/info-live-results/swmx17/eng/zz/engzz_swimming-daily-competition-schedule.htm

DEIXE UMA RESPOSTA