Top 10 Maurício Bekenn 2017: as 10 melhores performances da competição

0
317
FABIOLA MOLINA

Confira as 10 melhores performances do Troféu Maurício Bekenn na análise da Best Swimming.

10) Giovana Reis Medeiros do Corinthians, 100 livre Infantil I feminino 58.04

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 03 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Novo recorde brasileiro de categoria e de campeonato, este foi o melhor índice técnico da categoria e por pouco, uma chegada mais precisa, não tivemos o primeiro 57 da categoria Infantil I feminino no país.

9) Stephan Steverink do Novos Cielos, 400 medley Infantil I masculino 4:44.86

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 02 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Entre as quatro vitórias de Stephan no Maurício Bekenn, esta foi a mais fácil. Quebrando um recorde que era do olímpico Brandonn Almeida, Stephan venceu com 18 segundos de vantagem sobre o segundo colocado.

8) Lucas Tudoras do Paineiras, 200 medley Infantil I masculino 2:13.14

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 03 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Pela segunda vez neste ano, Lucas Tudoras quebrou o recorde brasileiro de categoria dos 200 medley. Em constante progressão, foi uma de suas quatro vitórias na competição.

7) Revezamento 4×200 livre Infantil feminino do Grêmio Náutico União 8:45.80

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 03 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Foi a queda de um dos mais antigos recordes da competição, 29 anos, e uma marca muito expressiva para o forte time do Grêmio Náutico União. Equipe formada por Ana Paula Vianna Behr, Julia Martins Peixoto, Beatriz Koinaski e Cibelle Jungblut além desta vitória, foram responsáveis por todas as seis medalhas de ouro do clube no Brasileiro.

6) Raphael Rached Windmuller do Curitibano, 200 peito Infantil II masculino 2:24.94

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 01 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Duas grandes vitórias de Raphael no Brasileiro, esta quebrando o recorde brasileiro que era de Caio Pumputis, executada de forma precisa, com uma técnica perfeita durante toda a prova.

5) Giovana Reis Medeiros do Corinthians, 200 livre Infantil I feminino 2:06.21

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 02 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Quatro segundos de vantagem sobre a segunda colocada, prova dominada desde o início, na sua segunda vitória do Brasileiro com novo recorde nacional. É a primeira, e única, nadadora de 13 anos do país a nadar os 200 livre abaixo dos 2:07.

4) Gustavo Saldo do Curitibano, 100 borboleta Infantil II masculino 56.23

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 04 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

A expectativa do recorde existia. Só não se esperava uma prova tão bem nadada, executada com tanta maestria e fechando de forma tão precisa. Mais de dois segundos de vantagem sobre o segundo colocado, confirmam a boa vantagem de Gustavo em relação aos adversários.

3) Stephan Steverink do Novos Cielos, 16:42.96 X Vitor Ballan Sega do Natação Americana 16:44.65, 1500 metros nado livre Infantil I masculino

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 01 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Que bela disputa, uma prova muito bem nadada, em performances espetaculares e principalmente, baixada de tempos incríveis. Os dois nunca tinham nem chegado perto de baixar dos 17 minutos. Não ameaçaram o recorde de Brandonn Almeida (16:29.64), mas não diminui a bela disputa e o excelente resultado.

2) Fernanda Gomes Celidônio da ASBAC Aquanaii, 100 costas Infantil II feminino 1:02.51

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 02 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Prova com melhor índice técnico de toda competição, única acima dos 800 pontos, 803 para ser mais exato. Tempo que entra no top 5 absoluto do Brasil em 2017. Fernanda já tinha se consolidada como a primeira infantil do país a quebrar a barreira do 1:04 nos 100 metros nado costas, agora se torna a primeira a baixar do 1:03. Impressionante!

1) Gustavo Saldo do Curitibano 2:05.20 X Mateus Assunção do Novos Cielos 2:05.21 200 borboleta Infantil II masculino

Campeonato Brasileiro Infantil. Trofeu Mauricio Bekenn. Parque Aquatico Gremio Nautico Uniao. 04 de Novembro de 2017, Porto Alegre, RS, Brasil. Foto: Satiro Sodré/ SSPress/CBDA

Quem assistiu a prova concorda inteiramente com esta primeira posição. Foi uma prova incrível, dois nadadores que utilizaram estratégias diferentes e fizeram a prova mais disputada e emocionante da competição. Um centésimo separou o campeão do vice, em recorde que durava 19 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA