Prêmios da ANOC colocam 3 nadadores entre os melhores dos continentes

0
98
FABIOLA MOLINA

Reunião da ANOC, Associação dos Comitês Olímpicos Nacionais em Praga, na República Tcheca, premiou os melhores atletas de cada continente pelo terceiro ano consecutivo. Na premiação deste ano, três nadadores foram premiados: Sarah Sjoestroem da Suécia, melhor atleta feminino da Europa, o sul-africano Chad Le Clos melhor masculino da África e a egípcia Farida Osman como melhor atleta feminino da África.

Chad Le Clos

Ainda na cerimônia de premiação dos melhores do ano, o Presidente da FINA, o uruguaio Julio Maglione, recebeu um prêmio de reconhecimento de Performance Histórica para o movimento olímpico. Maglione, no dia anterior da premiação, foi eleito novo vice presidente da ANOC.

O prêmio de melhores do ano foi lançado pela ANOC em 2015, ano em que o brasileiro Thiago Pereira ganhou o troféu de melhor atleta das Américas.

Confira a lista dos premiados deste ano:

África
Feminino – Farida Osman, natação, Egito
Masculino – Chad Le Clos, natação, África do Sul

Américas
Feminino – Yulimar Rojas, atletismo, Venezuela
Masculino – Revezamento 4×400, atletismo, Trinidad & Tobago

Europa
Feminino – Sarah Sjoestroem, natação, Suécia
Marcel Hirscher, esqui na neve, Áustria

Ásia
Feminino – Yu Song, judô, China
Masculino – Mutaz Essa Barshim, atletismo, Catar

Oceania
Feminino – Sarah Goss, rugby, Nova Zelândia
Masculino – Robbie Manson, remo, Nova Zelândia

Performance fora de série
Nadia Comaneci, ginástica, Romênia

Performance histórica
Julio Maglione, natação, Uruguai

Contribuidor
Michael Fennell, atletismo, Jamaica