Comparando o Brasileiro Infantil de 2017 com 2016

0
288
FABIOLA MOLINA

Comparando a classificação final do Troféu Maurício Bekenn 2016 em Aracaju, Sergipe, com o de 2017 em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, encontramos alguns fatos interessantes que merecem registro.

Corinthians foi campeão em 2016 somando 353 pontos, Curitibano venceu em 2017 com 324 pontos.

A diferença do primeiro para o segundo colocado em 2016 foi 46 pontos, entre Corinthians e Minas Tênis Clube. Em Porto Alegre, o Clube Curitibano conseguiu 41,5 pontos de vantagem sobre o Corinthians, vice campeão.

Novos Cielos Centro Olímpico foi o terceiro colocado este ano com 211,5 pontos enquanto o Grêmio Náutico União ficou na terceira posição do ano passado com 173 pontos. Interessante que o União somou 195 pontos este ano, 22 a mais do que em 2016, mas caiu uma posição, terminando em quarto lugar.

Comparando os 10 primeiros colocados de 2017 com suas posições em 2016:
1o Curitibano 4o lugar em 2016
2o Corinthians campeão em 2016
3o Novos Cielos 10o lugar em 2016
4o Grêmio Náutico União 3o lugar em 2016
5o Minas Tênis Clube vice campeão em 2016
6o Paineiras 19o lugar em 2016
7o Flamengo mesma posição em 2016
8o Marina Barra Clube 12o lugar em 2016
9o SESI-SP 8o lugar em 2016
9o ASBAC Aquanaii 11o lugar em 2016

Dos 10 primeiros colocados no Maurício Bekenn 2017, quem mais cresceu este ano foi o Paineiras subindo de 19o lugar para a 6a posição. No ano passado, a equipe somou 31 pontos, este ano 103.

Entre as equipes que mais caíram em 2017, o Pinheiros ficou em 6o lugar em 2016 com 119 pontos, este ano em 22o lugar com 21 pontos somados.

No número de recordes, por incrível que possa parecer, o Brasileiro Infantil de 2016 teve mais marcas quebradas do que em 2017. Foram 13 recordes de campeonato contra 12 deste ano. Em recordes brasileiros de categoria, tivemos 12 no ano passado e 9 este ano.

DEIXE UMA RESPOSTA