Resumo das eliminatórias do dia 4 Finkel 2017

0
247
FABIOLA MOLINA

400 medley feminino –
Sem Joanna Maranhão, que optou por não disputar a sua principal prova, Beatriz Dizotti do Pinheiros foi a única a quebrar a barreira dos 5 minutos nas eliminatórias com 4:59.40. Fernanda Ribeiro Bernardo do SESI-SP com 5:14.66 ganhou a oitava vaga para a final A. Apenas 10 nadadoras disputaram a prova nas eliminatórias.

400 medley masculino –
Boa eliminatória dos 400 medley, seis nadadores abaixo dos 4:30 pela manhã Brandonn Almeida do Corinthians fez primeiro tempo com 4:28.12. A oitava vaga da final A para Lucas Simão Lima do Novos Cielos com 4:34.43.

200 livre feminino –
Sem Manuella Lyrio, que estava inscrita e não apareceu, ninguém quebrou a barreira dos dois minutos. Rafaela Raurich do Curitibano fez o melhor tempo das eliminatórias com 2:02.25. Larissa Oliveira, campeã dos 100 livre ontem, entrou com o terceiro tempo 2:03.04. Oitava vaga para Camila Lins Mello do Minas 2:04.67.

200 livre masculino –
Ninguém quebrou o 1:50. Fernando Scheffer do União foi o melhor da eliminatória com 1:50.11. Pedro Spajari, animado com a prata dos 100 livre, fez o melhor tempo da carreira para entrar com a oitava vaga para a final A com 1:51.57. Giuliano Rocco do Minas, campeão dos 400 livre no primeiro dia de Finkel, bobeou e ficou de fora da final, 9o tempo 1:51.62.

200 costas feminino –
Cinco nadadoras abaixo do 2:20, melhor tempo para Marina Nascimento da Unisanta com 2:17.02. Joanna Maranhão entrou com o terceiro tempo 2:17.57. Alexia Assunção do Fluminense com o oitavo tempo 2:20.81.
A lamentar a desclassificação da Fernanda Goeij do Curitibano. A nadadora teve problemas com o acessório de costas e não levantou o braço em tempo para paralizar a prova.

200 costas masculino –
Depois de ser prata nos 50 e 100 costas, os 200 metros é a prova para Nathan Bighetti do Minas. Já classificou com o melhor tempo 2:03.25. Guilherme Guido, campeão dos 50 e 100, entrou com o segundo tempo 2:03.95. Gabriel Antonio Romano da Unisanta ficou com a oitava vaga com 2:04.87. Rodrigo Quadros Correia do Minas bobeou de novo. Depois de ficar de fora da final dos 50 costas, agora ficou com o nono tempo nos 200 metros com 2:04.97.

50 borboleta feminino –
Sem ninguém para 26, sete nadadoras na casa dos 27 segundos nas eliminatórias. Daynara de Paula do SESI-SP entrou com o melhor tempo 27.19. Giovanna Diamante do Pinheiros ficou em oitavo com 28.16.

50 borboleta masculino –
Nossos dois finalistas do Mundial empataram nas eliminatórias com 23.71. Ainda tivemos mais um quebrando a barreira dos 24 segundos, Guilherme Rosolen do Pinheiros com 23.91. Cesar Cielo entrou com o quarto tempo 24.08. Thiago Silva do União, finalista do Finkel pela primeira vez nos 100 borboleta, agora entrou na segunda final, oitavo tempo nos 50 borboleta com 24.50.

DEIXE UMA RESPOSTA