Resumo das eliminatórias do dia 2 do Finkel

0
141
Joanna Maranhao. Trofeu Jose Finkel de Natacao, realizado na Unisanta. 09 de agosto de 2017, Santos, SP, Brasil. Foto: Satiro Sodré/SSPress/CBDA

100 costas feminino –
Natália de Luccas do Pinheiros fez o melhor tempo das eliminatórias marcando 1:02.76 com parciais de 30.23 e 32.53. A argentina Andrea Berrino da Unisanta ficou com o segundo tempo 1:03.07. Para entrar na final A, Marina Nascimento da Unisanta com 1:04.98.

100 costas masculino –
Equilíbrio e apenas 1 segundo e 15 centésimos separando o primeiro do oitavo classificado. Nathan Bighetti do Minas fez o melhor tempo das eliminatórias com 55.20 seguido de perto pelo companheiro de clube Gabriel Fantoni 55.47. Guilherme Guido do Pinheiros entrou com o quarto tempo 55.75. A oitava vaga para a final A ficou com Nelson Silva Junior da Unisanta com 56.35. O vice campeão do Maria Lenk, Guilherme Basseto do Pinheiros bobeou, nadou fraco demais e com 56.42 ficou na nona colocação, quase dois segundos acima da sua melhor marca.

200 medley feminino –
Joanna Maranhão estreou na competição fazendo o melhor tempo da maanhã com 2:17.16. A catarinense Julia Volkmann que nada no União de Porto Alegre foi a segunda com 2:18.72. Gabrielle Roncatto, companheira de Joanna na Unisanta, entrou com a oitava vaga com 2:20.30. Mais três nadadoras na casa dos 2:20 ficaram na final B. Uma das poucas provas com resultado mais forte do que no Maria Lenk onde 2:21.52 entrou para a final A.

200 medley masculino –
Primeiro Campeonato Nacional Absoluto sem os nossos dois melhores nadadores na prova da última década. Thiago Pereira, aposentado, e Henrique Rodrigues, aguardando a definição do seu caso de doping. Foi a prova mais acirrada da competição até agora. Menos de um segundo separam Brandonn Almeida do Corinthians, o melhor da manhã, com 2:03.17 do oitavo classificado, Gabriel Ogawa do Pinheiros com 2:04.12. Giuliano Rocco, campeão dos 400 livre ontem, fez o 16o tempo com 2:08.11.

1500 livre feminino –
Prova em final direta, nas duas séries da manhã, o melhor tempo para Beatriz Angelo do Minas com 17:37.15. Uma melhora significativa no seu tempo de inscrição, 22 segundos.

800 livre masculino –
Mesma coisa dos 1500 livre feminino, melhor tempo das eliminatórias para Giovanny Lima do Minas com 8:12.06. Foram três séries pela manhã e mais uma na final.

DEIXE UMA RESPOSTA