Brasil é campeão sul-americano de águas abertas

0
401
FABIOLA MOLINA

Uma medalha de ouro fechou a participação brasileira no Sul-Americano Juvenil de águas abertas no Lago Calima, na Colômbia. Foi na prova de revezamento 10 quilômetros categoria aberta com os nadadores Elder Oliveira, Henrique Figueirinha, Gabrielle Roncatto e Camila Tribst. Foi a primeira vez que o revezamento foi disputado na América do Sul no novo formato estabelecido pela FINA onde cada um dos quatro nadadores cumpre uma metragem de 2,5 quilômetros e toca o companheiro antes de iniciar a próxima das quatro voltas no circuito.

Na categoria 14-16 anos, o revezamento brasileiro com Carol Hertel, Isis da Silva, Ricardo Castro e Davi Heberle ficou em quarto lugar em prova que foi vencida pelo Equador, Venezuela em segundo e o Perú em terceiro.

Por pontos, o Brasil se sagrou campeão sul-americano nas águas abertas somando 169 pontos, 29 a mais do que a Venezuela, vice campeã. No quadro de medalhas, o Brasil ficou em terceiro lugar com sete medalhas conquistadas, sendo duas de ouro, 1 de prata e 4 de bronze. O Perú com 6 medalhas, sendo 3 de ouro foi o líder nas premiações.

Uma evolução e tanto das águas abertas do Brasil, no último Sul-Americano nossa equipe terminou no quarto lugar.

Quadro de medalhas final das águas abertas
Perú 6 medalhas, 3 de ouro, 1 de prata, 2 de bronze
Equador 5 medalhas, 3 de ouro, 1 de prata, 1 de bronze
Brasil 7 medalhas, 2 de ouro, 1 de prata, 4 de bronze
Venezuela 4 medalhas, 3 de prata, 1 de bronze
Colômbia 2 medalhas, 2 de prata

Classificação por pontos:
Brasil 169 pontos
Perú 140 pontos
Venezuela 134 pontos

DEIXE UMA RESPOSTA